sábado, 27 de outubro de 2012

Planeta-Anão: Éris

 
 Éris, conhecido oficialmente como 136199 Eris,antes detinha um outro nome chamado 2003 UB313,devido aos acalorados debates entre correntes diferentes de astrônomos, que discordavam,Xena foi rebatizada de Eris, a deusa grega da rivalidade e da discórdia, e recebeu a designação oficial de 136199 Eris, é um planeta anão e um plutóide nos confins do sistema solar, numa região conhecida como disco disperso.Talvez seja o maior planeta anão do sistema solar e quando foi descoberto, ficou desde logo informalmente conhecido como o "décimo planeta", porque na época seu diâmetro estimado era maior do que o diâmetro do ex-planeta Plutão.
Éris tem um período orbital de cerca de 560 anos e encontra-se a cerca de 97 UA do Sol, em seu afélio( UA,é a distância padrão da Terra em relação ao Sol = 150 milhões de KM,fazendo uma pequena conta 150 x 97 = 14.500 bilhões de KM da Terra). Como Plutão, a sua órbita é bastante excêntrica, e leva o planeta a uma distância de apenas 35 UA do Sol no seu periélio (a distância de Plutão ao Sol varia entre 29 e 49,5 UA, enquanto que a órbita de Netuno fica por cerca de 30 UA).
Orbita de Éris e Plutão

 Em 2010, resultados preliminares de uma ocultação estelar por Éris em 6 de novembro colocaram um limite de 2320 km no diâmetro de Éris, deixando-o com praticamente o mesmo diâmetro de Plutão.Com a margem de erro na estimativa do tamanho, não se sabe ainda se Éris realmente é menor que Plutão.

 Geologia do Planeta-Anão

http://imgs-srzd.s3.amazonaws.com/srzd/upload/p/l/plutao_99.jpg
Visão artística de como o planeta-anão Éris é maior que Plutão
Éris pode ser o maior corpo celeste conhecido para além da órbita de Netuno, talvez maior que Plutão. Tal como Plutão, é composto de uma mistura sólida de gelo e rocha. Ambos podem ser vistos como objectos do cinturão de kuiper ou como planetas gelados, apesar de Éris ser do tipo disperso, ou seja, terá sido formado na parte interior da cintura, mas atirado para uma órbita mais distante devido a uma possível influência gravitacional de Netuno.
 Éris não é totalmente conhecido e o seu tamanho real não pode ser determinado. Contudo, os astrônomos calcularam que,Éris refletisse toda a luz que recebe, seria mesmo assim maior que Plutão (2390 km).
Para ajudar a determinar melhor a dimensão deste corpo celeste, foram feitas análises preliminares com recurso a observações feitas com telescópios espaciais: o Spitzer e o Hubble. O primeiro telescópio indicou que Éris seria 20% maior que Plutão (2274 km); o segundo indicou que seria apenas 1% maior indicando um albedo extraordinariamente elevado.
 
Em novembro de 2010 Éris ocultou uma estrela.Dados preliminares desse evento indicaram que o diâmetro de Éris é de 2 340 km, o que causou dúvida sobre as estimativas anteriores de tamanho e densidade.As três equipes que observaram a ocultação ainda estão analisando os dados obtidos. Além disso, ao usar os dados preliminares desse evento para comparação com Plutão, há várias estimativas do diâmetro de Plutão que podem ser selecionadas.Isso se deve em parte à atmosfera de Plutão que interfere nas medições de sua superfície sólida (ao contrário da neblina gasosa).
Estes cientistas determinaram que o albedo é muito semelhante ao de Plutão, ou seja, é de 0,60 ± 0,10 ± 0,05. Sugerindo que o metano cause que a superfície gelada seja bastante refletora.
Éris parece ser algo análoga a Plutão e a Tritão (a grande lua de Netuno) devido à presença de gelo de metano.
http://2.bp.blogspot.com/-GgR9wX1JtKY/TqrJgky_0wI/AAAAAAAAA04/OTvyeeCv2gc/s1600/1ERIS.bmp
Tem uma aparência acizentada
Ao contrário do aspecto avermelhado de Plutão e Tritão, o planetoide Éris parece ser cinzento. Isto parece ser devido à enorme distância de Éris em relação aoSol o que permite que o metano condense, cobrindo uniformemente toda a superfície.
O metano é muito volátil e a sua presença mostra que Éris se manteve sempre nos confins do sistema solar, ou seja, sempre foi um mundo extremamente frio levando a que o gelo de metano subsistisse. Ou, talvez, desfrute de uma fonte interna de metano que liberte o gás para a atmosfera; note-se que Haumea, um outro corpo celeste da mesma zona do sistema solar, revelou a presença de gelo de água, mas não de metano.
Dados não oficiais com recurso às observações do telescópio Hubble indicaram que Éris teria um albedo elevado, sugerindo que a superfície é composta de gelo fresco.

Atmosfera e clima

http://eternosaprendizes.files.wordpress.com/2009/03/planeta_anao_eris_2003ub313.jpg


Apesar de Éris se encontrar cerca de três vezes mais afastado do Sol que Plutão,chega a estar suficientemente perto do Sol para que parte da superfície se descongele e forme uma fina atmosfera; no entanto não se sabe se isto acontece realmente.
Devido à sua órbita que se aproxima até 37,8 UA do Sol e se distancia até 97,61 UA, as temperaturas devem variar entre -232 e os -248 graus célsius.
Éris está tão afastado do Sol que este último, nos céus daquele mundo, deverá aparecer apenas como uma estrela brilhante,e com um alfinete pode encobrir o Sol.

Satélite

http://www.portaldoastronomo.org/images/arquivo/foto1500.jpg
Nasa
  


A lua de Éris,Disnomia, foi descoberta a 10 de setembro de2005. Estima-se que Disnomia seja oito vezes menor e sessenta vezes menos brilhante que Éris e que orbite esse último em cerca de catorze dias.
O sistema Éris-Disnomia parece semelhante ao sistema Terra-Lua. Apesar das dimensões mais reduzidas dos dois objectos, o satélite de Éris está dez vezes mais próximo do planeta que orbita que a Lua da Terra apesar de ser oito vezes menor que a nossa lua.





 

Éris talvez o planeta anão mais grande do sistema solar,maior que plutão que foi um dia considerado um planeta.Quando descobrir que Éris é grande suficiente para se tornar um Planeta?Voltar a ter 9 Planetas no sistema solar com Éris o Planeta mais afastado do Sol?
Rafael Lobato

Um comentário: